Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Fiquei contigo

publicado por WhyNot, em 03.11.17

Dentro de um casamento onde há muito a chama da paixão se tinha extinto, carente de afagos e de apreços, vi em ti um óasis, o meu óasis, aquele onde eu poderia matar a sede da paixão, onde eu poderia de novo, voltar a sentir-me mulher. 

 

Tudo era novo para mim, mas não hesitei, fiquei contigo, essa noite, a nossa primeira noite! Essa noite foi uma lufada de ar fresco na minha vida sem emoção. Não prestei grande atenção às expressões dos outros, com quem tinhamos passado parte da noite, mas sei que tinham um ar intrigado e até mesmo algum espanto, afinal eu não costumava fazer daquelas coisas, não tinha por habito ficar com ninguém e eles sabiam, daí o ar estupefacto, quando, com uma voz firme e sem rodeios tu disseste, ela hoje fica comigo.

 

Os outros seguiram viagem de carro e nós ficamos apeados não longe da tua casa... Fui calada a maior parte do tempo e nesse tempo, pouco, passou na minha cabeça toda uma panóplia de possíveis situações, afinal eu mal te conhecia e tinha, sem hesitar, aceite passar a noite contigo. Não consigo, ainda hoje, explicar o que em ti me deu a sensação de confiança, sabia que podia confiar em ti, sabia que contigo não corria nenhum risco, não pensei que apaixonar-me por ti fosse um.

 

Passamos a noite juntos e foi muito bom. A tua segurança fez-me sentir segura e isso refletiu-se na forma como nos envolvemos, primeiro à descoberta, saber o que certos gestos provocavam em nós... lentamente fomos tacteando o corpo um do outro, como se de uma leitura em braile se tratasse e por fim fundimo-nos.

 

Não dormi, ou dormitei um pouco não sei, tinha a cabeça a mil, depois de toda a adrenalina ter sido eliminada do meu organismo, o lado racional deu sinal de vida, os "porquê" e os "que vai acontecer agora", martelavam-me a cabeça.

 

Já pela manhã levantamo-nos e eu comecei a vestir-me apressadamente, não que sentisse vergonha, mas achava que devia sair ali rapidamente. Mas ao contrário de mim, tu não te vestiste e ainda me lançaste um convite:não queres tomar banho comigo, disseste tu com esse teu sorriso de menino que me conquistou e me desarma cada vez que te vejo.

 

Foi a minha primeira noite fora de casa

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

16:58



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Calendário

Novembro 2017

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D